Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Duquesa e o Gato ♠

"I'm worse at what I do best." ☆

O tal jornal...

Confesso que sou pessoa de gostar de ler jornais e revistas. Porém, há um jornal com o qual embirrei há uns tempos atrás e que no fim de semana passado me fez jurar para nunca mais o comprar. Um jornal português que, actualmente, tem também um canal televisivo.  (ainda não perceberam qual é pois não?)

Pois bem, passo a explicar o porquê:

A minha irmã telefona-me bastante aflita a dizer que um casal que adoro (inclusivamente trato ambos por tios desde pequena) teve um acidente e mandou-me a noticia que andava a circular entre o pessoal conhecido. Pelo teor da notícia entrei em pânico, só imaginei ser muito grave! Ao ficar mais em mim pensei que podia ser mentira. Podia não ser sobre eles! Não queria telefonar a nenhum dos filhos ou mesmo cônjuges pois se fosse tão grave como dizia na noticia eles haveriam de estar sem cabeça para telefonemas. Mas também não queria andar a telefonar a pessoas da terra pois se não fossem eles poderia estar a lançar o caos na aldeia e a contribuir para oferecer matéria prima ás cuscas de serviço! Mas ao mesmo tempo não estava bem... Decidi mandar uma mensagem a explicar tudo ao genro pois ele e a filha (do casal) são grandes amigos meus. Ele respondeu imediatamente. Só disse que o jornal tinha exagerado, que a sogra já tinha tido alta e o sogro estava internado pois estava um pouco partido (mas nada de muito grave). Depois do alívio, toca a ir ler a noticia outra vez. Para começar, "um casal espanhol" que era bem português, ambos nascidos e criados (um deles meu vizinho) ! Depois, um "violento acidente em que a mulher foi projectada 30metros" mas que sofreu somente uns arranhões - milagrosamente- e que, pelos vistos, foi projectada sem sair do carro. Estão em estado grave-gravemente rodeados de quem os ama e a receberem carinho da família e o pânico de quem leu a notícia!

E, se por um lado estou feliz por eles estarem bem, por outro penso na família deles que está longe e que podem ter lido a mesma notícia que eu li.

Era atirarem-lhes a merda do microfone ao lago.... ups!

Atirada de escada devido a alface...

images.jpg

"Mulher de 51 anos em estado crítico após agressão do marido.

 A mulher não lhe soube arranjar a alface a gosto e o homem, irritado, não lhe perdoou, atirando-a pelas escadas. Foi a filha que depois encontrou a mulher caída no chão, ensanguentada, e chamou o socorro.

Quando chegaram os bombeiros, o homem impediu que a socorressem. Expulsou-os da casa e teve de ser a filha do casal a transportar a mãe até à ambulância. Foi levada para o Hospital de Aveiro com prognóstico reservado.

Tudo aconteceu ontem, pela 01h00, na Branca, Albergaria-a-Velha.

Quando os bombeiros receberam o alerta para uma queda, não imaginavam que teriam de enfrentar um homem, de 65 anos, enfurecido e que lhes impedia a entrada na casa para o socorro. "Teve de ser a filha a carregá-la até à ambulância porque ele ameaçava bater nos bombeiros", contou ao CM uma testemunha.

"Ele gritava que queria os bombeiros e os guardas dali para fora para que os vizinhos não se apercebessem e depois lhe fizessem perguntas", acrescenta a mesma fonte.

Após a chegada da GNR, o agressor provocou os guardas e tentou também agredi-los. Apesar da resistência, os militares levaram o homem para o posto da GNR de Albergaria-a-Velha. Ontem, o agressor foi presente ao Tribunal de Instrução Criminal, mas o interrogatório judicial foi adiado para hoje.

O homem regressou à cela da GNR, onde passou a noite. A vítima passou o dia em observações no Hospital de Aveiro devido à gravidade dos ferimentos."

Por Francisco Manuel (Correio da Manhã- notícia aqui)

E eu só digo... Tenham medo! Tenham muito medo! A parvoíce chegou a Portugal! 

A verdade, é que esta é mesmo uma notícia à CM e,de inicio, pensei ser apenas mais um daqueles exageros típicos deles. O pior... é que não é!

VG peq (2).jpg