Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Duquesa e o Gato ♠

"I'm worse at what I do best." ☆

Os meus ex's são uma coisa fantástica! #1

Conheci um ser (pois!) que o seu cuidado na estrada, a conduzir, era de louvar.

Não tenho dúvidas de que talvez lhe possa dever a vida por algumas vezes. Ora bem, o rapaz era imensamente atento. Ao verificar uma curva mais apertada ou um cruzamento mais perigoso fazia questão de buzinar e\ou fazer sinais de luzes para que fosse perceptível de que alguém viria por ali (sempre!). Sim, eu sei que muita gente o faz e que tem lógica mas confesso que nos meus 20 aninhos não era algo em que pensasse! Não era rapaz de exceder os limites e tinha uma condução bastante segura. (Para um rapaz de 20 anos  não era muito comum!) 

Acontece que, depois da meia noite, tal cinderela, o rapaz transformava-se. Uma vez conseguiu capotar o carro. E não 

é que o ser humano do meu ex se lembrou de fazer isso logo no único dia em que nós tínhamos discutido? Em um ano de namoro, houve uma única vez em que discutimos e ele lembra-se de partir o carro todo às 5 da manhã.  

Pouco tempo depois ficou sem carta, levou uma multa e ainda ficou sem poder confuzir meio ano!

Adivinhem porquê...

É que, tal qual uma Cinderela, a partir da meia noite o rapaz transformava-se. Por norma, devido ao Whisky ingerido durante toda a noite. 

Obrigada, oh Excelentíssimo Senhor Brutamontes!

caminhão-coca.jpg

 (A imagem do camião da Coca-Cola é só para ver se a malta se lembra de mandar umas garrafas lá para casa!) 

Meu querido camionista, venho através do meu blog (olhe que honra!) agradecer-lhe por ser um brutamontes sem consciência da porra que conduz... Ora, um veiculo tão pequenino como o seu é óbvio que andará agilmente e sem o mínimo de perigo a uma velocidade tãaaao reduzida como aquela a que você ia numa estrada tão grande onde mal dois carros ditos "normais" cabem e com tão poucas curvas e buracos!

Tenho a certeza de que a sua condução é extremamente segura para si e para todos nós, modestos condutores de ligeiros e peões. Obrigada, do fundinho do meu coração, por me ter feito sair da estrada e quase me espatifar contra um poste. Não fosse eu ter consciência e de, por sorte, o ter visto, abrandando a velocidade a que eu ia (nem era muita, felizmente!), possivelmente hoje não estaria aqui a agradecer-lhe...

Atentamente e imensamente agradecida,

uma condutora de um dito veículo "normal" cujo seu veículo poderia facilmente esmagar! 

 

( Atenção de que isto é para um condutor de pesados especifico que me ia matando e não para generalizar... Não vá eu ser crucificada!)VG peq (8).jpg