Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Duquesa e o Gato ♠

"I'm worse at what I do best." ☆

23
Fev22

Os vizinhos

O vizinho meteu a vizinha e a filha de ambos na rua.

E isto foi tudo depois de um dos nossos vizinhos ter ido pedir, gentilmente, ao senhor para não andar a fazer barulho pela madrugada.

O vizinho deu um murro ao nosso vizinho que apenas queria dormir sossegado.

Eu também quero dormir sossegada mas não quero levar um murro.

 

Segundo percebi, os enteados do vizinho não andam lá muito felizes porque descobriram o que a besta fez à mãe. 

Afinal a guerra, provavelmente, terá lugar no meu prédio...

 

Santinha do Condomínio, como eu odeio apartamentos!

 

Actualização: acabei de saber que tenho a GNR e uma ambulância á porta do prédio... 

18
Fev22

Vivenda vs Apartamento. Campo vs Cidade.

Depois de fazer os meus posts sobre a má vizinhança, cheguei à conclusão de que odeio viver num apartamento. 

Sou mulher do campo.

Nasci e cresci em vivendas, a acordar com o barulho dos bichos... 

Quando me juntei aos 20 anos, fui para a cidade e, por consequência, para um apartamento. 

Ora, eu já tenho dificuldade em adormecer. Se acordo, é para esquecer! Então, as primeiras noites foram interessantes...

Nunca tinha vivido em apartamento. Ir á casa de banho era a medo. Acho que, durante semanas, não fiz o famoso "número 2" com receio de que os vizinhos percebessem que estava na casa de banho.  Até porque, eu mesma os ouvia ao longo do dia e mais ainda durante a noite. E claro, pensava que, se eu os ouvia, eles também me ouviam a mim. 

A adaptação foi horrível.

Ouvia cada mota, cada carro, cada ambulância, cada berro de vizinhos...

Tive vizinhos complicados, vivi numa zona também muito escura e triste.

Nunca me senti "em casa".

Faltava o cheiro a pinheiros.

Faltavam os  "bons dias" dos vizinhos do lado.

Até faltava o tal do "hoje passou aqui uma  carrinha desconhecida. Vamos estar de olho!" Sim, porque, na aldeia, se virem um carro estranho, metade dos habitantes ficam de olho e seguem um "protocolo". 

Faltava o calor humano.

Faltava o verdinho.

Faltava o cheiro a terra molhada.

Faltava o ir levar 2 couves à vizinha do lado e receber uma cestinha de figos.

Faltava o : "A filha da D. Amélia anda a sair com o moço ali da terra do lado. O filho do dono do Restaurante lá ao pé da Igreja..."

Faltava o ver florir das flores em plena Primavera e o primeiro espirro... 

Faltava tanta coisa...

Quando nascemos "livres" é tão difícil sentir-nos "enjaulados"...

Separei-me. Voltei para casa dos meus pais.

No meu primeiro dia de regresso, senti a liberdade nos pulmões e na alma.

Senti-me em Paz.

Senti-me em Casa.

Comecei a correr, fui para o ginásio e dizia sempre que aquela era a minha passadeira preferida...as estradas da minha terra!

As paisagens dos locais que conheço desde que nasci, todos os dias são diferentes!

O ano passado fui viver para uma Vila a pouquinhos km's da minha terra. 

Não desgosto, claro. Até porque continuo bem perto e é até um dos meus locais preferidos.

Mas, Casa é Casa. Aquela terra é mesmo a minha Casa. 

Um dia, espero voltar.

É ali que me sinto em Paz.

Faz-me falta.

 

Ali no Nada, no meio dos Pinheiros e Eucaliptos, sou Eu.

Mais sobre a desgraçada.

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

  • Aqui há coração

    Parabéns

  • LadyVih

    Que assim seja.

  • LadyVih

    Daqui a uns meses. Mas, já sei que não me vou lemb...

  • LadyVih

    ... e tanta gente que acabamos por conhecer por aq...

  • LadyVih

    É só daqui a uns meses mas tenho a certeza de que...

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2007
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2006
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D