Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Duquesa e o Gato ♠

"I'm worse at what I do best." ☆

2017, já chegaste?

E parece que sim! Pelo menos com a quantidade de "Bom Ano" que já ouvimos e dissemos, dá a entender que já começou... Agora, qual a diferença de 2016 para 2017? O último número. Só.

Resoluções para o novo ano? Não as fiz... Passagem de ano? Foi somente mais uma desculpa para jantar com os amigos. Agora, a não ser que fique rica e\ou herde uma fábrica de chocolate, este ano será como tantos outros. E ponto final. 

 

Agora posso começar a usar a minha parte lamechas... Por muito que nem ligue a esta coisa de "ano novo", sei que todos relembramos do ano que passou e tiramos as nossas conclusões sobre o maldito\abençoado. Não sou diferente dos outros. Também olho para 2016 e revejo o que aconteceu. E tenho de vir aqui escrever algo que também me marcou no fim deste ano que acabou... Quando as pessoas falam em "vida pessoal" e "blogs" de forma a separar ambas as coisas, eu não o posso fazer. Não quero! Ao longo destes 10 anos fiz amizades, a maioria neste ano que acabou. Posso dar-me ao luxo de dizer que conheci pessoas que fazem com que não separe a minha vida pessoal dos meus blogs e a quem hoje chamo de amigas. Ter alguém capaz de nos mandar um email, mensagem, telefonar-vos a dizer "eu estou aqui", "podes contar comigo", "quero-te bem", "já comeste?", etc, é maravilhoso. Há 10 anos jamais pensei que isto acontecesse...

 

Este ano ficou na memória:

-Criei um blog juntamente com a minha querida irmã na doença Catarina (que adoro como se a conhecesse há anos!)

-Conheci a minha blaranja Chic'Ana (não preciso dizer mais nada, pois não? Já está tudo dito no "blaranja")

-Passei noites de cusquice e muita amizade com a minha Mula dos Cogumelos (só nós sabemos... Obrigada)

-Tive dias recheados de conversa com as minhas queridas, fofinhas, brilhantes, coloridas e maravilhosas Nay, Psicogata, Sofia, Kikas, Di e Ana (minha nossa, quaaaaanta conversa mais amorosa e todas as outras coisas que só nós sabemos!)

-Conheci a minha doce JP, a amorosa Susana, a minha tonta-maezona Ana Gomes e a minha querida companheira de Receitas Ana (obrigada pelo carinho! Vocês são fantásticas!)

 

Obrigada por tudo! Obrigada a todas. Cada telefonema, cada mensagem, cada miminho foi uma força que me deram quando me estava a deixar ir abaixo... Tenho imenso gosto em poder dizer que fiz AMIGAS! E, mesmo que esteja mais afastada daqui, sei que já não estarei mais afastada de vocês. Obrigada por terem feito parte do meu ano de 2016... 

 

(Claro que fiz mais amizades mas seria difícil identificar e escrever sobre todos vocês e como tal tive de enaltecer as pessoas que me têm aturado nas minhas crises menos boas. Mas estão todos no meu coração. Obrigada!!!)

O teu cancro é nosso!

Quando ouvimos a palavra "cancro" todo o nosso sistema nervoso entra num estado de choque diário. Ouvir alguém dizer a um dos nossos que a sua saúde está fragilizada é das piores coisas que pode existir. Recordo-me como se tivesse sido ontem embora tivesse feito em Outubro 2 anos. Fui com o meu pai fazer um simples exame para a retirada de um pólipo e saí de lá num misto de emoções, o qual ainda hoje me custa explicar. Ouvir o médico dizer "tem aspecto maligno" é assustador.. Após um mês de exames e consultas, surgiu o diagnóstico...era cancro maligno! O meu pai estava a iniciar a sua luta contra este que é um dos monstros do século. Dividi-me entre o choque, o querer gritar, o querer chorar e o tentar manter-me calma por ele. Levei o meu pai a casa, sorrindo e dizendo que tudo iria correr bem, que era somente mais um desafio que iríamos enfrentar - embora por dentro me sentisse destruída e com medo. Deixei-o em casa e vi que, ao subir as escadas, umas lágrimas lhe escorreram pelo rosto. E foi aqui que desabei. Fiz 20 km's a chorar e a gritar até chegar a casa, enfiei-me no banho e chorei mais um bocado. Ao Marco só conseguia dizer " O meu pai tem cancro! O meu pai!". Não conseguia aceitar, acreditar ou até pensar em outra coisa. Passei uns dias em que esta realidade me estava a consumir... Não era justo, já tinha perdido amigos, primos, os meus avós, o meu padrinho e agora estávamos frente-a-frente com um cancro?! A sério, tinha de ser mesmo um cancro?! Não era justo acontecer com o MEU pai... Os porquês tomaram lugar nos meus dias e a revolta estava a querer ser a minha melhor amiga. Até que me lembrei de que isto não era sobre mim mas sim sobre ele. A luta dele estava a começar. E o meu pai era lá homem de desistir!

Em Dezembro foi operado e em Março iniciou a quimioterapia. Antes do tratamento meu pai não parava um dia em casa, não estava mais de 1hora a ver televisão, inventava sempre alguma coisa para fazer, o trabalho era o seu passatempo preferido. Aliás, durante o internamento da operação, lembrou-se de fazer uns projectos para construir em casa e se manter ocupado (ele é pedreiro) E claro,com a quimioterapia, foi-se abaixo. Teve uns dias em que estava bastante fragilizado. Podem perceber como me fez confusão vê-lo deitado no sofá, com frio em pleno Verão, sem forças. Chegou a ter dias em que iria fazer quimioterapia e os seus valores estavam demasiado baixos para poder fazer o tratamento... Acreditem, isso é assustador! Não consigo arranjar outra palavra para descrever o que sentia naquela altura. Estava assustada, era isso mesmo - assustada. Estava com medo de perder o meu pai, tinha medo que ele desistisse de lutar ou que a doença fosse mais forte do que ele. Embora conheça o meu pai e saiba que é um homem de força, o facto de termos tido familiares a morrerem da doença foi um fantasma nestes últimos 2 anos. A minha avó, mãe do meu pai, faleceu de cancro 2 anos antes de eu nascer.Como podem imaginar, isto assombra sempre uma família, por muito que nos tentemos esquecer desse lado. 

O seu último dia de quimioterapia foi uma vitória. Foi uma espécie de brisa marítima num deserto. Claro que ainda iriamos ter um caminho a percorrer, mas mais um passo estava dado. 

Todo o seu caminho percorrido e ainda por percorrer, não é só dele... é de todos nós. E, felizmente, posso dizer que nunca estivemos sozinhos. Tivemos o apoio de todo uma população, familiares e conhecidos. É tão importante sentirmo-nos amparados todos os dias, sentirmo-nos amados. Sabia que, se fosse preciso, qualquer um de nós poderia virar-se para qualquer lado e chorar, gritar, o que fosse. Sabia que as pessoas iriam compreender. Sabia que estavam ali para nos apoiar. Normalmente, quando há uma doença grave, tentamos não pensar na doença e sim na recuperação. Para tal acontecer, é claro que temos de nos manter positivos. E ajudava ter o telefone a tocar de hora a hora a perguntar como estava a correr tudo e a oferecer uma mão. Não, não era pena. Era amor. Era preocupação. Ainda o é. Posso dizer que fomos abençoados em viver onde vivemos (os meus pais) e conhecer as pessoas que conhecemos... E agradeço-lhes tanto por isto! 

Por isso mesmo, digo que o cancro do meu pai não é só dele...é nosso! 

 

Carta aos meus amigos

FB_IMG_1465366803750.jpg

A amizade sempre foi algo que me sustentou na vida. Posso dizer que, na doença, foram indispensáveis. Assim como o são todos os dias! Tive a sorte de ter encontrado gente na minha vida que foram verdadeiros anjos e a quem estarei eternamente agradecida.

 

Já conhecia este texto de Vinícius de Moraes, adaptado. E acho maravilhoso. Deixo-vos com ele .

 

‘‘Meu amigo, se eu morrer antes de ti, faz-me um favor:

Chora o quanto quiseres mas não te revoltes por Deus me ter levado. Se quiseres não chorar,não chores. Se não conseguires chorar, não te preocupes. Se tiveres vontade de rir, ri. Se alguns amigos meus contarem alguma coisa a meu respeito, ouve e acrescenta a tua versão, porque tu sabes de tudo melhor que ninguém. Se me elogiarem demais, corrige o exagero. Se me criticarem demais, defende-me. Se quiserem fazer de mim uma santa só porque morri, mostra que eu tinha um pouco de santa, mas estava longe de ser a santa que pensam. Se me quiserem fazer um demónio, mostra que eu talvez tivesse um pouco de demónio, mas que na vida inteira, eu tentei ser uma boa amiga.

Se tiveres vontade de escrever/dizer alguma coisa sobre mim, apenas uma frase chega: " - Eu era o melhor amigo dela, ela confiava em mim e amava-me como um irmão de verdade " - Ai então, derrama uma lágrima. Sei que não estarei presente para enxuga-la, mas não faz mal. Outros amigos farão isso no meu lugar. E, vendo-me bem substituida, irei tratar da minha nova tarefa no céu.

De vez em quando, da uma espreitadela na direcçao do céu; tu não me veras, mas eu ficaria muito feliz vendo-te olhar para ele.

Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente, e se inaugura aqui mesmo o seu começo. Eu não vou estranhar o céu. . . Sabe por que? Porque... Ser seu amigo já é um pedaço dele! ''

Nunca me vou esquecer de ti .''

 

Vinícius de Moraes

Quando o teu melhor amigo te faz passar vergonhas...Todos os dias!

hugo.jpg

 

Ora bem, todos temos amigos, certo? Se não têm deviam de ter... Dizem que faz bem e coiso!

Eu tenho uma besta quadrada na minha vida que, além de me fazer passar vergonhas todos os dias ainda me consegue divertir na grande maioria das vezes... 

Hoje, ele lembrou-se de partilhar isto no meu facebook. A verdade é que estava no trabalho e passaram mil e uma imagens nesta cabeça. Para terem uma noção, vai um pequenino apanhado:

1186126_696208723740377_1650508710_n.jpg29558_549145491780035_1818603319_n.jpg1238293_683937074967542_788934665_n.jpg1613942_820365971324651_5564068194458277038_n.jpg1495449_769460623081853_1147487070_n.jpg14479_676039455757304_1846056587_n.jpg

 

Pelo menos com eles os meus dias nunca são monótonos...Sim, eles. Porque o meu namorado não fica atrás.. Nem eu! 

VG peq.jpg 

"Escreve na areia o que dás. Grava numa rocha o que recebes!"

Sempre me ensinaram que a maior força não é a física, mas sim a psicológica.

Ensinaram-me que por muito forte que um homem seja pode ter a força interior de uma criança. E na realidade, á medida que fui crescendo, fui vendo isso. Talvez seja também por isso que se diz que as aparências iludem. Um homem do tamanho “XXL” pode chorar como uma criança de 6anos. Por isso mesmo devemos ter sempre cuidado com o que dizemos ás pessoas, principalmente se não as conhecermos bem. Infelizmente, por vezes, deixamos-nos levar pelos ditados populares e pela consciencia dos outros. Se já errei neste aspecto? Acho que sim. Ás vezes julgamos que uma pessoa é mais forte porque o aparenta e deixamos-nos levar por isso! Mas também há o contrário. Aliás, acho que toda a gente é bem mais forte do que pensa, só têm de descobrir essa força. E acreditem que ela aparece quando é precisa!

Também me ensinaram que a grandeza das pessoas não está no tamanho, idade, beleza ou mesmo nas suas conquistas amorosas. A grandeza das pessoas encontra-se na sua humildade, na sua capacidade de amar, na sua humanidade!É difícil encontrar pessoas assim, mas elas existem! =) Graças a Deus conheço algumas com um coração de ouro. Infelizmente a vida nem sempre é justa com essas pessoas. Algumas mudam devido ás circunstâncias, outras permanecem “grandes”. E ser “grande” é enfrentar a vida sempre com humanidade! A essas pessoas “grandes” que se cruzam no meu caminho todos os dias, OBRIGADA. Adoro-vos assim. Nunca mudem, porque é nessa diferença que está a pessoa maravilhosa que cada um é!

 

 

 

 

  

[Meus pequeninos que adoro... Vocês entraram á pouco na minha vida... Mas já cá estão gravados! Obrigada, meus playboyzitos de meia tigela! Ambos têm a sua personalidade, mas completam-se.Uma amizade assim é bonita de se ver.=) Vocês têm sido impecáveis comigo e devo-vos mt por isso. Pela vossa amizade, pelos vossos mimos, pela vossa preocupação...São uns miudos 5* e tenho muito orgulho em vocês*! =D Gosto-vos muito!!!]

 


[Amizade que o tempo não apaga, fortalece.Obrigada por tudo, fofinha! Ganhaste um lugar no meu coração já há muito tempo e cá permaneces! O tempo tudo apaga... Apaga dores, apaga amores, apaga alegrias, apaga tristezas... Mas uma verdadeira amizade jamais é apagada! Tu foste escrita no meu destino a tinta permanente.Por cá continuarás... =')  Acho que não posso dizer muito mais. Já vivemos muito. Muito mais havemos de viver...Adoro-te Amiga]

 

força Melinha... ♥

Hoje estive a fazer um trabalho sobre cativar, criar laços e mantê-los. ou seja, sobre a história do princepezinho... Gostei! =) Digamos que hoje estava com inspiração! Tanta que até a minha stora de "artes" me gabou os desenhos e disse que eu tinha um bom traço! =D Fiquei babadinha... =$
Vim aqui principalmente dar forcinha á minha MeL
.. "longe mas perto", sim?! Sabes como são os homens...Estupidos que nenhuma porta. Divertem-se com as galdérias e depois querem uma rapariga séria e ele já a magoou tanto que ela baza. Caga nele,amiga! Tu és boa demais para uma pessoa que te faz sofrer tanto. Todos temos alturas boas e más. A vida é assim mesmo, e tu sabes que eu sei do que falo! Masnunca podemos desistir e baixar os braços. Tu és uma pessoa maravilhosa, uma amiga espectacular, quem perde é ele em não acreditar no teu amor. Um dia há-de querer e não ter. É o que acontece sempre! E já sabes... Os homens agem sem pensar nas consequências. Pensar não faz parte da rotina deles. Pensamos e sentimos nós por ele... Tu és forte... eu sei que sim...




Não é receber, é dar.
Não é magoar, é incentivar.
Não é descrer, é crer.
Não é criticar, é apoiar.
Não é ofender, é compreender.
Não é humilhar, é defender.
Não é julgar, é aceitar.
Não é esquecer, é perdoar.
Amizade..

É simplesmente AMAR.



FORÇA AMIGA!!! Estou sempre aqui, mesmo que longe....Acredita que nunca esqueci de todo o apoio que já me deste, das lágrimas que já me enchugaste e das vezes que me defendeste... E a isso eu chamo de Amizade! Tu foste das poucas pessoas que nunca me desiludiram... Adoro-te! ♥






★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★





1.Como se chama um homem inteligente, sensível e bonito?

R.:Boat.

2. O que deve fazer uma mulher quando seu marido corre em zigue-zague pelo jardim?

R.: Continuar a atirar.

3. Pesquisadoras descobriram por que Moisés ficou andando 40 anos no deserto com o povo de Israel:

R.: Um homem nunca pergunta o caminho.

4. Qual é a semelhança entre as nuvens e os homens?

R.: Quando vão embora, o dia fica lindo.
5. Por que os homens não têm período de crise na idade madura?
R.: Porque nunca saem da puberdade.
6. Qual é a definição masculina de uma noitada romântica?
R.: Sexo.
7. Qual é o ponto comum entre os homens que freqüentam bares para solteiros?

R: Todos eles são casados.

8. Como saber se um homem está mentindo ?

R.: Quandos os seus lábios se mexem.
9. Como um homem chama o amor verdadeiro?  

R.:Ereção.

10. Qual a semelhança entre o homem e o golfinho?

R.: Dizem que ambos são inteligentes, mas nunca se provou.
11. Por que as mulheres não querem mais se casar?
R.: Porque não é justo. Imagine, por causa de 100 gramas de lingüiça ter que levar o porco inteiro...

12. Qual a semelhança entre o homem e o caracol?

R.: Ambos têm chifres, sao ranhosos e se arrastam. E ainda pensam que a casa é deles.

13. Qual a semelhança entre um homem e um pão de forma?

R: Ambos são quadrados, tem casca grossa e miolo mole.








-Obrigadao a quem lê o meu blog.. Espero que gostem. E obrigada a quem comenta... ;) Principalmente ás minhas meninas aqui deste novo espaço de converseta.. =P Vocês são umas queridas. Muito obrigada! =)
Um beijaaaaao enorme para todos os que por aqui passam
[*]